COMO CULTIVAR GALEANDRAS.

Conhecida na minha região como chapeuzinho de gnomo, as galeandras se tornaram as minhas orquídeas preferida. Moro no centro oeste, especificamente em Jaraguá Goiás, uma região onde a abundância da espécie Galeandra chapadensis, que vegetam nas árvores retorcidas do cerrado, é encontrada principalmente na beira de rios e grotas. É muito comum encontrá-las em árvores que morreram, mas, que, ainda estão de pé no meio do mato, árvores morta é seu local predileto. O problema é que, essas árvores não duram muito tempo, logo caem, com todas aquelas jóias rara.
 
 FLORAÇAO:

videoFlorescem no Verão ate meados do outono (aqui em Goiás), mas, depende muito do inicio do período chuvoso , quando as chuvas chegam mais cedo, elas também florescem mais cedo, quando as chuvas atrasam , elas florescem mais tarde. Em outras regiões, florescem em meados do outono e do inverno dependendo da espécie.
Florescem apenas uma vez ao ano, suas flores duram em torno de 15 dias, com tamanho de 5 cm. Mas, acontece muito de surgir outro cacho na mesma haste floral quando o primeiro cacho cai. Já aconteceu de surgir até três cachos na mesma haste em minhas galeandras, mas, para isso, é necessário que elas estejam bem nutridas e sem ataques de pragas. Lembrando que isso não é regra, é exceção.



       
ESPÉCIES 

É um gênero com cerca de 26 espécies, terrestres e epífitas. Por causa da quantidade de flores que proporciona, a espécie galeandra dives se tornou a mais cobiçada.
  
ORIGEM

No Brasil é encontrada principalmente na região amazônica, em minas, e aqui em Goiás, também é encontra no México e na Bolívia.

                                                              DICAS DE CULTIVO

Não se deve regar as galeandras com o sol quente, e, se possível não molhar as folhas e flores, apenas o substrato, isso também vale para a adubação, aplique o adubo só no substrato, isso ajuda a controlar fungos e bactérias, as folhas e principalmente as flores das galeandras são muito sensíveis. De preferência, regue pela manhã, ou no fim do dia. Muito cuidado para que elas não permaneçam encharcadas. Funciona assim: molhe, espere enxugar, ai molhe novamente.
ILUMINÇAO
       Durante os meses de crescimento, elas gostam de boa iluminação e regas constantes. Sombreamento a 50% é o ideal. O excesso de sombra deixa as com um tom de verde-escuro e faz crescer a parte vegetativa, mas, atrapalha a floração. O ideal é que as orquídeas estejam com as folhas verde-claras, isso vale para todas as orquídeas.
As espécies desse gênero ,assim como os catasetum, costumam hibernar no inverno, época em que a planta perde todas as folhas. Elas ficam em estado de dormência, não processam os minerais nem absorve água. Nesse período regue apenas se elas começarem a desidratar, apenas de vez enquanto, se você regar normalmente neste período, elas vão apodrecer. Eu não rego minhas galeandras quando elas estão em dormência, deixo-as dormirem em paz.

           ADUBAÇÃO











No período de crescimento, deve ser feita uma vez por semana. Eu uso peters e fish fértil, alternadamente, o adubo Peter uso o 20/20/20, mas se você quiser pode usar o 30/10/10 para estimular o crescimento no primeiro mês, depois um mês antes de florir você usa o 10/30/20 para estimular a floração. Seguindo sempre as orientações do fabricante. Cuidado com excesso de adubo , pode queimá-las, principalmente se for aplicado durante o sol quente (de 10 as 4 da tarde). O melhor horário para adubar é bem cedinho, porque os estômatos das orquídeas estão abertos, facilitando a absorção dos nutrientes, se não der para adubar de manha, faça à tarde.



Se o fabricante diz 1ml ou uma colher de chá por litro de água de 15 em 15 dias e você quer adubar toda semana, divida esse adubo, ou seja, coloque 1 ml ou 1 colher de chá para does litros de agua. Tenho observado que adubar uma vez por semana tem me dado melhores resultados do que adubar de 15 em 15 dias.

11 comentários:

  1. Olá, eu tenho uma Galeandra que floriu no ano passado. Não lembro a época, só lembro que deu uma única flor. Não sabia como cuidar dela, mas agora estou esperta. Moro em uma cidade que é uma dificuldade enorme conseguir substrato ou adubo para orquídeas, consegui o 15.30.15. serve para alguma coisa? se servir, como devo usa-lo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vc pode faz com coco verde so corta en cubinho lava com aqua sanitaria i por pra seca depois usa normal

      Excluir
  2. Você pode usar uma colher de café para does litros de água uma vez por semana, ou uma colher de café por litro de água a cada 15 dias. Essa formula que você vai usar estimula a floração, por ter maior quantidade de fósforo, mas, pode usar normalmente, é melhor você usar essa formula do que não usar nada. O ideal seria usar um adubo rico em nitrogênio no inicio da brotação e esse does meses antes delas florirem.O primeiro numero é o nitrogênio o segundo o fósforo e o ultimo o potássio, quanto maior o numero maior a quantidade daquela substância. O nitrogênio estimula o crescimento vegetativo, e o fósforo estimula a floração e as raízes.

    ResponderExcluir
  3. ola Fernando, começei a pouco cuidar de orquideas, na verdade desde o meu casamento quando minha filha enfeitou todas as mesas, adorei e me apaixonei, quero dizer que tenho aprendido bastante com voce, e tenho preferido as suas explicaçoes, muito claras e de facil entendimento. muito obrigada. Neuza

    ResponderExcluir
  4. Fico feliz em poder ajudar, pra mim é um grande prazer colaborar, torso para que suas orquídeas fiquem belas e floridas.

    ResponderExcluir
  5. Obrigado pelas dicas, acabei de ganhar uma mudinha.
    abraços e uma linda noite

    ResponderExcluir
  6. O recomendável é cultivar em local coberto? Aqui onde moro tem geadas no inverno.. Abçs

    ResponderExcluir
  7. Fernando, voce tem muda de galeandra chapadense, pra vender, ou sabe de alguem ou lugar onde posso comprar mudas dela? meu e-mail de contato é laurita_peixoto@yahoo.com.br. Sou apaixonada por essa orquidea, já tive uma mas infelizmente hoje ela não existe mais.

    ResponderExcluir
  8. Oi, parabéns pela matéria, sou apaixonada por Galeandras há um tempo, tenho algumas aqui e agora vou poder cuidar melhor delas.
    Abç.

    ResponderExcluir
  9. Olá Fernando...
    Meu irmão me trouxe uma orquidea que ele encontrou na mata somente com uma florzinha pendurada, ficou impressionado e trouxe para mim. Hoje descobrir que é uma galeandra. Depois ganhei outra maior e de cor diferente. Agora acabei de encontrar uma na beira de um rio em ES, ao pé de uma cachoeira. Você saberia identificar o nome de cada uma dela? passe no meu blogue e dê uma olhada... Desde já agradeço.
    http://orquideaseartes.blogspot.com.br/search?updated-min=2013-01-01T00:00:00-08:00&updated-max=2014-01-01T00:00:00-08:00&max-results=2

    http://orquideaseartes.blogspot.com.br/2012/07/orquidea-nativa-de-rondonia.html

    ResponderExcluir
  10. Olá Fernando.
    Qual a altitude ideal pra que essas plantas florescam?
    Moro no litoral de Pernambuco e aqui há muita umidade e nenhuma altitude. Tenho muita ventilação, sol pleno até 11h e bastante luminosidade o resto do dia. Será q elas gostariam deste ambiente?

    Abraço,

    Roberto

    ResponderExcluir